Bibliografia | Filmes | Literatura | Músicas | Divulgação | Pesquisas | Provocações | Artigos

Provocações

Leia e questione-se. Envie sugestões. Sua participação é muito importante para a RNT.

A vida é uma peça de teatro que não permite ensaios... 
Por isso, cante, ria, dance, chore e viva intensamente cada momento de sua vida,
antes que a cortina se feche e a peça termine sem aplausos.
(Charles Chaplin)

***

EPITÁFIO

O QUE VOCE ESCREVERIA EM SUA LÁPIDE?

Internauta - www.aquijaz.com.br
Alcoólatra - Enfim, sóbrio.
Arqueólogo – Enfim, fóssil.
Brother - Fui.
Bailarina - Dancei
Bombeiro - Virei cinzas
Cartunista - Partiu sem deixar traços.
Delegado - Ta olhando o quê? Circulando, circulando.
Ecologista - Entrei em extinção.
Espírita - Volto já
Enólogo - Cadáver envelhecido em caixão de carvalho.
Funcionário Público – É no túmulo ao lado.
Garanhão - Rígido, como sempre.
Gay - Virei purpurina.
Herói - Corri para o lado errado.
Hipocondíaco – Eu não disse que estava doente?
Humorista - Isto não tem a menor graça.
Jangadeiro diabético – Foi doce morrer no mar...
Judeu - O que vocês estão fazendo aqui?
Quem está tomando conta da lojinha?
Médico - Pegaram o cara errado.
Psicanalista - A eternidade não passa de um complexo
Superioridade mal resolvido.
Sanitarista - Sujou!!!
Viciado - Enfim pó.
Tímido - Não olhem assim para mim, morro de vergonha.
Tanatólogo - Agora eu sei...

***

Concerto para o corpo e alma

"Compreendi, então,
que a vida não é uma sonata que,
para realizar a sua beleza,
tem de ser tocada até o fim.
Dei-me conta, ao contrário,
de que a vida é um álbum de minissonatas.
Cada momento de beleza vivido e amado,
por efêmero que seja,
é uma experiência compelta
que está destinada à eternidade.
Um único momento de beleza
e amor justifica a vida inteira" (Rubem Alves)

* * *

"Podemos até não lembrar que partilhou
nossa alegria, mas jamais esquecemos
quem chorou diante de nossa dor..." (Valdemar Augusto Angerami-Camon)

* * *

"Não, não, a Morte não é algo que nos espera no fim. É companheira silenciosa que fala com voz branda, sem querer nos aterrorizar, dizendo sempre a verdade e nos convidando à sabedoria de viver..." (Rubem Alves)

* * *

"O valor das coisas não está no tempo que elas duram, mas na intensidade com que acontecem. Por isso, existem momentos inesquecíveis, coisas inexplicáveis e pessoas incomparáveis."(Fernando Pessoa)

* * *

"O que é o luto, se comparado à dor física? Independentemente do que os tolos digam, o corpo é capaz de padecer vinte vezes mais do que a mente. Esta possui sempre algum poder de evazão. No pior dos casos, só o que o pensamento insuportável faz é ficar voltando, mas a dor física pode ser absolutamente contínua. O luto é como um bombardeiro dando voltas e lançando suas bombas para atingir um raio de ação; o sofrimento físico é como a barragem fixa numa trincheira na Primeira Guerra Mundial, horas nela, sem uma pausa em momento algum. O pensamento nunca é estático; a dor muitas vezes é." C.S.Lewis (A anatomia de uma dor - um luto em observação)

* * *

" Vivemos aquilo que ajudamos a construir, partindo da tradição daquilo que
os outros nos deixaram. Ao morrermos como indivíduo, nos incorporamos
ao espírito da humanidade de nossa época." (Antônio Inácio Andrioli)

* * *

 "O homem fraco teme a morte, o desgraçado a chama; o valente
a procura. Só o sensato a espera." (Benjamin Franklin)

* * *

 "A dor da perda é a visita da morte à vida, e sem dor
não há vida." (Carlos A Potoko)

* * *

"Assim, a morte de um outro significa também a perda de parte do "eu" que
se constituiu na relação com aquele. A nossa vivência fica marcada naqueles
com quem nos relacionamos e em tudo aquilo que, com outros, construimos
como acúmulo para a humanidade." (Antônio Inácio Andrioli)

* * *

Hoje Recebi Flores!

Não é o meu aniversário
ou nenhum outro dia especial;
tivemos a nossa primeira discussão ontem à noite
e ele me disse
muitas coisas cruéis
que me ofenderam de verdade.
Mas sei que está arrependido
e não as disse a sério,
porque ele me enviou flores hoje.
Não é o nosso aniversário
ou nenhum outro dia especial.

Ontem ele atirou-me contra a parede e começou a asfixiar-me.

Parecia um pesadelo,
mas dos pesadelos acordamos
e sabemos que não é real.

Hoje acordei cheia de dores
e com golpes em todos lados.

Mas eu sei que está arrependido porque ele me enviou flores hoje.

E não é São Valentim
ou nenhum outro dia especial.

Ontem à noite bateu-me
e ameaçou matar-me.
Nem a maquiagem
ou as mangas compridas
poderiam ocultar os cortes
e golpes que me ocasionou desta vez.

Não pude ir ao emprego hoje
porque não queria
que se apercebessem.

Mas eu sei que está arrependido
porque ele me enviou flores hoje.

E não era dia da mãe
ou nenhum outro dia.
Ontem à noite ele voltou a bater-me, mas desta vez foi muito pior.
Se conseguir deixá-lo,
o que é vou fazer?
Como poderia eu sozinha
manter os meus filhos?

O que acontecerá se faltar o dinheiro? Tenho tanto medo dele!
Mas dependo tanto dele
que tenho medo de o deixar.
Mas eu sei que está arrependido, porque ele me enviou flores hoje.

Hoje é um dia muito especial:

É o dia do meu funeral.

Ontem finalmente conseguiu matar-me.
Bateu-me até eu morrer.
Se ao menos tivesse tido a coragem
e a força para o deixar...
Se tivesse pedido ajuda profissional...

Hoje não teria recebido flores!

***

Aprenda a viver e saberá morrer.
Aprenda a morrer e saberá como viver.